Farol de Cacilhas

IPA.00032077
Portugal, Setúbal, Almada, União das freguesias de Almada, Cova da Piedade, Pragal e Cacilhas
 
Arquitectura de comunicações. Farol costeiro.
Número IPA Antigo: PT031503060016
 
Registo visualizado 2165 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Comunicações  Farol  Farolim  

Descrição

Torre cilíndrica com 12 m de altura e 1,27 m de diâmetro, em ferro fundido pintado a vermelho, com lanterna e varandim.

Acessos

Pontal de Cacilhas

Protecção

Inexistente

Enquadramento

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Comunicações: farolim

Utilização Actual

Comunicações: farolim

Propriedade

Afectação

Época Construção

Séc. 19

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

1886, 15 janeiro - inauguração do farol que consistia numa ótica de 5ª ordem com um candeeiro de duas torcidas, instalada numa lanterna cilíndrica com cúpula esférica, sobre uma torre cilíndrica vermelha de 12 metros de altura e 1,7 de diâmetro, a característica da luz era fixa branca num setor de 342º, com um alcance nominal de 11,5 milhas; 1886, 9 maio - instalação do sinal sonoro; 1916 - o farol é desativado devido à 1ª Guerra Mundial; 1918, 26 dezembro - reacendimento do farol; 1925 - instalação de aparelho ótico de 4ª ordem (500 mm); 1931 - instalação do sinal sonoro pneumático; 1957 - é feita a eletrificação do equipamento; 1978, 18 maio - o farol é extinto devido à construção do novo terminal de passageiros de Cacilhas e à sua pouca aplicabilidade como ajuda à navegação; 1983 - o equipamento é transportado para os Açores, substituindo o Farol da Serreta, parcialmente destruído por um sismo; 1986 - ativação do equipamento no farol da Serreta; 2004, Junho - desativação do farol da Serreta; 2007, 4 outubro - a pedido da autarquia de Almada que considerava o Farol de Cacilhas património cultural do município é celebrado um protocolo com a Marinha conducente à execução pela Direção de Faróis da recuperação da estrutura metálica do farol, sua montagem em local a definir e instalação de um sistema de iluminação de baixa intensidade, sem funções de ajuda à navegação; 2009, junho - implantação do farol no cais fluvial de Cacilhas; 2009, 18 julho - cerimónia de recolocação do antigo Farol de Cacilhas, presidida pela Presidente da Câmara Municipal de Almada, Maria Emília de Sousa, e pelo Chefe do Estado-Maior da Armada, Almirante Fernando José Ribeiro de Melo Gomes.

Dados Técnicos

Materiais

Bibliografia

AGUILAR, J. Teixeira de, NASCIMENTO, J. Carlos, e SANTANDREU, Roberto, Onde a terra acaba, história dos faróis portugueses, Lisboa, 1998; AGUILAR, J. Teixeira de, Faróis de Portugal - a terra ao mar se anuncia, Lisboa, Clube do Coleccionador dos Correios; VILHENA, Francisco João, e LOURO, Maria Regina, Faróis de Portugal, Lisboa, 1995; Faróis de Portugal, Lisboa, Direcção de Faróis da Marinha Poruguesa, Ciência Viva, 2005; Lista de faróis, bóias luminosas, radiofaróis, sinais de nevoeiro e sinais horários e de mau tempo, estações radiotelegráficas e de socorros a náufragos, Lisboa, Direcção de Faróis, 1955; Lista de luzes, bóias, balizas e sinais de nevoeiro, Lisboa, Instituto Hidrográfico, 8ª edição, 2008; www.cienciaviva.pt; http://forum.g-sat.net/archive/index.php/t-100768.html, 2009-8-6; http://www.marinha.pt/PT/noticiaseagenda/noticias/Pages/RecolocacaodoFaroldeCacilhas.aspx, em 2012-4-9.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

EM ESTUDO

Autor e Data

Teresa Ferreira 2011 / 2012

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login