Igreja Paroquial de Almada / Igreja de Nossa Senhora da Assunção / Igreja Nova

IPA.00004671
Portugal, Setúbal, Almada, União das freguesias de Almada, Cova da Piedade, Pragal e Cacilhas
 
Arquitectura religiosa, modernista. Igreja de planta longitudinal composta por nave, com transepto, altar-mor, sacristia, e anexo paroquial. A organização do complexo paroquial teve como principal propósito poupar o mais possível o jardim como espaço livre e ao mesmo tempo obter uma hierarquia no valor das massas de construção e nos espaços que exprimisse conceitos actuais de pastoral. Assim, o conjunto foi organizado em volta de um espaço central - que prolonga o próprio espaço do jardim - e que é constituído por zonas de ar livre ligadas ao Centro Paroquial: adro e pátio do Centro Paroquial. Os edifícios foram assim afastados para a periferia do actual jardim, marginando as ruas circundantes com excepção do Salão Paroquial que entra mais profundamente no terreno e que é um volume abaixo da cota da rua, cuja cobertura em terraço serve de adro; o pátio ao centro é vedado e o adro é público. Pela sucessão dos diversos planos da edificação procurou-se acompanhar o declive natural do terreno, desde a cota de entrada na praça até à cobertura da igreja, acentuada en dois pontos altos. O acesso à igreja faz-se através do próprio jardim. Por se situar num local de convergência, procurou-se que a igreja fosse acessível de diversos lados, para o que se previram os acessos correspondentes às principais vias. A Igreja é marcada por um eixo conferindo-lhe certa autonomia, abre-se para o lado do acesso e dos restantes espaços do centro. A inclinação da cobertura e a parede poente muito fechada, jogam exactamente nesse sentido. O altar é envolvido pela assembleia por um dos lados e pelo coro do lado oposto. Nave com transepto sobre os quais se levanta um balcão que acompanha todo o seu comprimento.
Número IPA Antigo: PT031503010027
 
Registo visualizado 6159 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Religioso  Templo  Igreja paroquial  

Descrição

Conjunto compostto por IGREJA de planta poligonal, irregular, voltada a SE. com nave, altar-mor, coro alto, capela baptismal, sacristia, centro paroquial com anexos diversos; volumes articulados e coberturas diferenciadas em telhados de várias águas irregulares e com pontos de luz a toda a extensão do telhado. Fachadas em betão armado, rebocadas a áspero e com todos os elementos da estrutura, soco, pilares, nervuras em betão aparente pintado com tinta hidrófuga transparente. Fachada principal voltada a N. com empena triangular de vãos de iluminação diferenciados em todos os pisos, apresentando molduras rectangulares, quadrangulares e frestas e vãos de acesso, rectangulares, de diferentes tamanhos; o equilíbrio deste corpo é dado pelo encontro entre a sineira e a cruz que rematam as fachadas S. e E.. Fachada posterior, a S. onde se destaca a torre sineira, elemento vertical formado por linhas rectas com suportes para os sinos.Fachada a E. com articulação de vários corpos de linhas rectas desenvolvidos em vários pisos e vãos protegidos por gradeamentos. Fachada S. com vãos de iluminação a nível do 2º piso em losangulo e 1º piso com portas e janelas protegidos gradeamentos. INTERIOR da igreja de nave única com transepto onde se levanta o balcão acompanhando toda a extensão da nave que liga os dois braços do transepto, com acesso feito poe escadas que convergem para o centro da igreja. O portal principal apresenta guardavento tendo do lado da Epístola uma pia de água benta; do mesmo lado o baptistério relacionado com a entrada, abre-se para a assembleia, "no eixo da coxia do santuário", é ligeiramente sobreelevado; o coro está colocado entre a assembleia e o santuário, com orgão; lateralmente, junto ao altar principal existe um espaço para personalidades, voltada para a nave. Os confessionários estão instalados por baixo do balcão ao longo da nave, com 3 zonas de espera nas bancadas adjacentes. Do lado do Evangelho uma capela colateral dedicada ao Santíssimo Sacramento. No lado posterior do presbitério encontram-se as sacristias e espaços de serviços com acesso à capela secundária, separada e especial para casamentos com acesso directo do exterior e ligação ao cartório das sacristias e das câmaras mortuárias, colocadas no piso inferior 2 em ligação directa com a rua. A distribuição longitudinal de iluminação natural, através da abertura corrida na cobertura é reforçada nos extremos - baptistério e altar-mor. A ligação da igreja ao centro paroquial, é feita, pelo interior, através de uma galeria coberta no prolongamento do adro que liga ao Cartório, e anexos da igreja, permitindo passagem através de uma escada, com piso inferior, em direcção ao centro, câmaras mortuárias e o exterior. CENTRO PAROQUIAL, composto por diversas plantas que acompanham o desnível do terreno, com vários anexos e espaços de apoio às actividadades da igreja, como o salão paroquial, a zona do cartório, câmaras mortuárias, zonas de convívio, salão com plateia e palco, cabine de projecções, bar e espaço polivalente, camarins, arrecadações, e WCs. etc.Fachada E. de linhas rectas e vãos rectangulares de diferentes tamanhos, tendo a nível da cobertura uma linha de luz que se prolonga por toda a fachada; cobertura diferenciada com chapas de fibrocimento lisa prensada, com elementos salientes formando poços de luz.

Acessos

Avenida D. João I; Rua Candido Capilé; Rua Engº Sá e Melo; Praça Prof. Cavaleiro Ferreira. WGS84 (graus decimais) lat: 38.681439; long:-9.157575

Protecção

Inexistente

Enquadramento

Urbano, destacado, isolado. A Igreja Nova de Almada localiza-se entre a fronteira do antigo núcleo da vila e a parte nova, encontrando-se implantada no o terreno do Jardim Comandante Sá Linhares; implantada a meia-encosta, dominando o largo fronteiro, é separada dos arruamento por adro e escadaria, encontra-se rodeada por edifícios de interesse arquitectónico. Na área envolvente destacam-se algumas escadas e patamares do domínio público, integradas no jardim, mas necessárias para acesso ao templo. Do lado da Fachada principal o Lar de São Tiago, e na continuação da Av. D. João I algumas casas marcadamente pertencentes à tipologia "Casa Portuguesa"; em cota inferior ergue-se o Tribunal do Trabalho (v. PT031503010069).

Descrição Complementar

A construção da 2ª fase do Centro Paroquial de Almada, de 4 pisos, é composto por um edifício afastado da igreja com ligação através de um canal de separação. O piso 0, situado ao nível da R. Cândido Capilé tem acesso principal através de um canal a céu aberto que desemboca num terraço sobramceiro ao jardim com ligação ao adro da igreja, tendo este piso 2 salas do jardim de infância e recepção; tem acesso alternativo ao terraço através de escadas. Piso 1 com 2 salas dos 12 aos 36 meses e respectivas instalações sanitárias. Piso 2 com uma sala de berçário e outra de serviços administrativos. Piso -1 aberto para o jardim e semi-enterrado, tem o refeitório, cozinha, copa e instalações sanitárias; uma ligação exterior à R. Cândido Capilé permite a entrada de serviços. É neste piso que se faz a ligação ao salão paroquial localizado a uma cota mais baixa. Numa das fachadas do templo um painel de azulejos com a imagem de Nossa Senhora do Cabo flanqueada por outras duas de evocação a São Marçal e a Santo António; moldura concheada, com folhagem e flores, que se desenvolve a partir de uma base de tipo arquitectónica que separa as três imagens. Na base uma cartela que identifica a imagem central.

Utilização Inicial

Religiosa: igreja paroquial

Utilização Actual

Religiosa: igreja paroquial

Propriedade

Privada: Igreja Católica (Diocese de Setúbal)

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 20 / 21

Arquitecto / Construtor / Autor

ARQUITETOS: Nuno Teotónio Pereira (1963); Nuno Portas (1963); Luís Moreira, João Rebelo, António Reis Cabrita, Pedro Viana Botelho, Duarte Nuno Simões; CONSTRUTOR: ENGIL; ENGENHEIROS CIVIS: António dos Santos Gonçalves, Victor Figueiredo, Santos Lopes; ENGENHEIRO ELECTRO-MECÂNICO: Sebastião Sanfins.

Cronologia

1760, c. de - fabrico do painel assinalando a procissão de Nossa Senhora do Cabo na fachada do edifício do Lg. da Boca do Vento, nº 14; posteriormente o painel foi substituído por uma cópia; 1962, Janeiro - celebração da escritura de alienação do terreno destinado ao centro paroquial com a área de 3.000 m2; elaboração do programa e adjudicação do projecto; 1962 / 1963 - entrega do ante-projecto executado pelos arquitectos Nuno Portas, Nuno Teotónio Pereira e Luís Moreira, tendo sido apreciado pela Câmara Municipal e pelo Secretariado para as Novas Igrejas do Patriarcado; 1964 / 1965 - suspensão dos estudos; 1965, 22 de Julho - a CMA aprovou o ante projecto; 1966 - entrega do projecto geral da responsabilidade do arquitecto Nuno Teotónio Pereira; 1967 - adjudicação da empreitada da 1ª. fase; 1969 - oferta de um sino pelo Sr. Vasconcelos, no valor de 10 contos; 1970 - inauguração da igreja; 1971 / 1972 - prosseguimento dos trabalhos de acabamento; 1986 - parecer sobre a localização da 2ª. fase - construção do Jardim de Infância; 1988 - proposta para a elaboração do projecto de construção do Centro de Assistência Paroquial de Almada (*1); 2002 - execução da 2ª fase do Centro Paroquial de Almada, projecto dos arquitectos Nuno Teotónio Pereira e Duarte Nuno Simões.

Dados Técnicos

Sistema estrutural de paredes portantes

Materiais

Estrutura de alvenaria de tijolo e betão armado; paredes internas em tijolo rebocado e pintado e em betão armado; cobertura da igreja e zonas anexas em estrutura de ferro com telha romana e tecto de placas pintadas de aglomerado de madeira; cobertura do corpo baixo em laje aligeirada com telha romana; pavimentos em pré esfprçado e betão macisso; massame simples e massame armado; revestimentos em tijoleira no adro; mosaico de klinder na nave, tacos de madeira; pavimentos do adro e da igreja serão enquadrados por faixas de cantaria; cantarias em pedra calcária de Sesimbra em soleiras de portas exteriores e nos ssentos dos bancos do adro com painéis de betão pré-fabricado nas costas; caixilharias exteriores com grades de ferro pintado e madeira exótica nas portas; carpintarias interiores de madeira exótica; azulejos nos WCs; madeira de Kâmbala; portas, portões e cancelas de ferro; vidros nas janelas, peinel do baptistério; lanternins do altar-mor e do corpo da sacristia; janela de vidro fixo ao longo da cumeeira da igreja.

Bibliografia

FLORES, Alexandre, Almada Antiga e Moderna, Almada, 1985; Novalmadavelha - Recuperação da Zona Antiga da cidade, Almada, 1987; VAZ, Artur, Monumentos de Almada - Inventário, Almada, 1989; MORGADO Jr. António Carlos et. alt., Almada Velha: Uma experiência de recuperação in Encontro Ibérico de Municípios com Centro Histórico, 6-8 de Novembro de 1992, Actas, Santarém, 1994; TOSTÕES, Ana e GRANDE, Nuno - Nuno Teotónio Pereira. Nuno Portas. Aveleda: Verso da História, 2013.

Documentação Gráfica

IHRU: Arquivo Pessoal de Nuno Teotónio Pereira

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID, Arquivo Pessoal de Nuno Teotónio Pereira

Documentação Administrativa

IHRU: Arquivo Pessoal de Nuno Teotónio Pereira

Intervenção Realizada

CAA: 1993 - recuperação do painel, quando da recuperação do núcleo histórico de Almada: consolidação in situ, levantamento, limpeza de chacota, limpeza de vidrado, consolidação e vácuo, preenchimento de lacunas, reprodução de azulejos em falta, montagem em novo suporte leve, química e fisicamente estável (resina sintética e alumínio).

Observações

EM ESTUDO. Todas as informações constantes deste registo foram retiradas do projecto inicial de construção da igreja e centro paroquial. *1 - O projecto que diz respeito o edifício a construiir para as instalações do Centro, em terreno localizado no jardim Alberto Araújo, confinando com a R. Cândido Capilé e no prolongamento da Igreja Paroquial; será elaborado pelos arquitectos Nuno Teotónio Pereira e Pedro Viana Botelho.

Autor e Data

Filomena Bandeira 1996 / Albertina Belo 1998 / Cecília Matias 2010

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login